Solidariedade com as mil trabalhadoras/es de atento, assina a petição

O passado 10 de outubro, Atento, antiga filial de Telefônica e responsável pela atenção ao cliente desta, anunciava o início de uma negociação com a representação legal dos trabajadorxs...

O passado 10 de outubro, Atento, antiga filial de Telefônica e responsável pela atenção ao cliente desta, anunciava o início de uma negociação com a representação legal dos trabajadorxs para “a adequação das jornadas, horários e sistemas de libranzas de aproximadamente 1000 trabalhadores”

Durante esta “negociação”, Atento justificou esta medida baseando em uma modificação por parte de Telefônica do horário de atenção telefônica, que se reduzirá ao horário de 9 a 22h, em local do horário de 8 a 24h que existia até o momento. ASSIM MESMO, A “AUTOMAÇÃO” E A “AUTOGESTIÓN”POR PARTE DO CLIENTE SERIAM OUTROS DOS MOTIVOS ALEGADOS PELA EMPRESA.

Finalmente, e após o fechamento do período de negociação sem acordo, Atento decidiu aplicar, unilateralmente, medidas selvagens que atentam contra os trabajadorxs e que significarão também, e sem nenhum tipo de dúvida, uma pior atenção telefônica para todxs lxs clientes de Telefônica a partir da próxima segunda-feira 14 de novembro.

Entre as medidas que afetam aos trabajadorxs se incluem mais de 1000 mudanças de horários, eliminando jornadas completas e intensivas e aumentando os turnos partidos, eliminando pluses de nocturnidad, sem nenhum respeito àquelas pessoas com redução de jornada por guarda legal ou outros coletivos especialmente vulneráveis como, por exemplo, as vítimas de violência de gênero. Trata-se de uma nova amostra de brutalidad empresarial.

ESTA NOVA AGRESSÃO TERÁ NOSSA ABSOLUTA OPOSIÇÃO, Através DE UMA DEMANDA COLETIVA, E COM O ASSESSORAMENTO Aos COMPAÑERXS AFECTADXS PARA QUE INTERPONHAM DEMANDAS INDIVIDUAIS.

POR ISSO VOS PEDIMOS A ASSINATURA DESTA PETIÇÃO PARA PEDIR A ATENTO E MOVISTAR A PARALISAÇÃO E ANULAÇÃO DESTA MEDIDA.

Assina:

change.org/p/atento-teleservicios

Por todo o exposto, desde a CGT solicitan a lxs clientes e trabajadorxs do setor que nos apoiem e se unam nesta recolha de assinaturas para parar estas modificações, que nos afetam a todxs, trabajadorxs e consumidores.E, entre as pessoas que lhes atendam, terá TRABAJADORXS MENOS FORMADOS (muitos trabajadorxs com experiência serão despedidxs por não poder assumir as mudanças horárias), trabajadorxs pior pagos (tendo em conta que o salário médio atual são 600 euros), mais estresadxs, com mais dificuldades para conciliar sua vida trabalhista e pessoal e, de modo geral, trabajadorxs que lhes oferecerão UM SERVIÇO DE MENOR QUALIDADE,embora não seja, por suposto, sua vontade.Por outro lado, desde o sindacato CGT, querem advertir aos milhões de clientes de Telefônica das consequências que, para ellxs, terão estas medidas .
Para além da redução de 3 horas no horário de atenção ao cliente, se encontrarão com MAIS PRESENÇA DE ROBÔS e menos pessoas ao outro lado do FIO TELEFÔNICO.

Basta já de JOGAR COM Os TRABAJADORXS E Os CLIENTES!

Todos os assinantes desta petição solicitamos a Atento e Movistar, a anulação destas medidas.

 

Categorías
Clase Obreira

RELACIONADAS